Pub
Pub
artigo
imprimir

O que fazer para lidar com o calor

O calor pode ser uma alegria para muitas pessoas, mas uma tormenta para muitos diabéticos. Saiba o que fazer para lidar melhor com as temperaturas altas.

Quando o calor chega a nossa vontade é logo a de ir para a praia, para o parque ou para a piscina. E a verdade é que não há nada de mal em aproveitar o bom tempo, desde que tenha atenção aos cuidados que deve ter. Sabia que quem tem diabetes (seja tipo 1 ou tipo 2) sente mais o calor, em comparação com as pessoas que não têm a doença? É verdade. E isto sucede, por exemplo, porque:

 

  • O risco de desidratação é maior, sobretudo, em quem tem diabetes. Não beber líquidos em quantidade suficiente pode aumentar a glicemia, o que leva a um aumento da produção de urina. Ou seja, a perda de água aumenta ainda mais;

 

  • As temperaturas mais elevadas podem, por exemplo, alterar a forma como o organismo utiliza insulina;

 

  • complicações da diabetes que podem afetar as glândulas sudoríparas, isto é, as glândulas que produzem o suor. E, sem que funcionem bem, também o sistema de «refrigeração» do organismo é menos eficaz.

 

Assim sendo, saiba o que pode fazer para reduzir as complicações e os efeitos do calor.

O que fazer para lidar com o calor
  • O que fazer para lidar com o calor

    Beba bastantes líquidos

    No verão é importante que beba bastantes líquidos, mesmo quando sente que não tem sede. A desidratação é um risco acrescido para quem tem diabetes e é fundamental preveni-lo. Assim sendo, garanta que tem sempre que bebe líquidos suficientes. Pode, por exemplo, manter sempre uma garrafinha de chá ou de água por perto.

    1 / 5
  • O que fazer para lidar com o calor

    Proteja-se nas horas de maior calor

    Esta é uma regra que se aplica a todas as pessoas, de todas as idades. Ou seja, evitar o calor nas horas mais quentes é importante para o bem-estar e para evitar a exposição aos raios ultravioleta. Além disso, ao resguardar-se nestes períodos mais quentes está a prevenir complicações e problemas como, por exemplo, a desidratação.

    2 / 5
  • O que fazer para lidar com o calor

    Meça a sua glicemia com frequência

    O calor pode, como já referimos, modificar a forma como o organismo utiliza a sua insulina. Isto é, pode fazer com que o seu controlo da glicemia mude, com mais altos e baixos inesperados. No entanto, medir frequentemente a glicemia no verão pode ajudá-lo a contornar este problema. Ainda assim, garanta que tem o seu dispositivo de medição devidamente resguardado do calor.

    3 / 5
  • O que fazer para lidar com o calor

    Escolha bem o seu estilo de verão

    Sabia que há tipos de roupas que o podem ajudar a lidar com o calor? Assim sendo, prefira as roupas mais leves, mais largas e, sobretudo, mais claras.

    4 / 5
  • O que fazer para lidar com o calor

    Evite bebidas alcoólicas e com cafeína

    Ainda que lhe possam saber bem, o melhor será evitar bebidas alcoólicas ou com cafeína. Primeiramente, porque além de outros problemas que podem trazer, estas bebidas podem, sobretudo, levar à perda de água corporal. Ou seja, podem levar ao aumento dos valores de glicemia e ao risco de desidratação.

    5 / 5
artigo

232.

Diabetes e cuidados na praia

Por fim, junte-se à comunidade Diabetes 365º!

Fontes

Referências

  • Centers for Disease Control and Prevention (CDC)
  • Diabetes UK
artigo
imprimir
anterior seguinte