Pub
Pub
artigo
imprimir

Valores: glicemia e outros parâmetros da diabetes

Um bom controlo glicémico é essencial para controlar a diabetes. Mas, afinal, que valores de glicemia deve ter durante o dia? Há outros valores que deve ter em atenção? Hoje compilamos os números que deve conhecer sobre o controlo da diabetes.

A diabetes é uma doença crónica. Na ausência de insulina, o organismo é incapaz de utilizar o açúcar que circula no sangue, fazendo com que este aí se acumule. Ou seja, essa acumulação de açúcar, conhecida como hiperglicemia, pode começar a provocar várias complicações noutros sistemas do organismo. Além da glicemia, é assim necessário controlar vários fatores de risco entram em jogo, de modo a garantir a saúde. Assim sendo, na diabetes há que saber vários valores: glicemia, peso, tensão arterial, por exemplo.

 

Neste artigo procuramos agrupar e resumir os valores que deve conhecer para saber se está, ou não, a controlar a diabetes corretamente.

Valores: glicemia controlada ao longo do dia

Um bom controlo glicémico na diabetes significa menor risco de complicações e melhor qualidade de vida. Existem 3 alvos a ter em conta quando falamos em glicémia: glicémia em jejum, glicémia pós-prandial e hemoglobina glicada.

 

Glicemia em jejum

 

A glicemia em jejum é medida imediatamente ao acordar, antes de tomar o pequeno-almoço. Para as pessoas que fazem tratamento com insulina, medir os valores do açúcar ao acordar e 2h após comer (a glicemia pós-prandial) é essencial. Isto é, são importantes para saber se as doses de insulina que fazem estão a ser eficazes a manter os níveis de glicose dentro dos limites. Segundo as orientações da Direção-Geral de Saúde (DGS), os níveis de glicemia em jejum devem ser ≤ 100 mg/dL. Outras entidades de saúde internacionais admitem valores até 130 mg/dL.

 

Níveis abaixo de 70 mg/dl são um sinal de alerta, pois significa que está com hipoglicemia. Pode acontecer em casos de jejum prolongado ou uma dose elevada de insulina. Tal como a hiperglicemia, a hipoglicemia também tem efeitos nefastos no organismo. Ou seja, pode levar a sintomas como náuseas, tonturas, suores e, se não for corrigida imediatamente, pode levar a confusão e perda de consciência. Se é diabético e sentir algum destes sintomas, deve medir logo os níveis de glicemia! E, caso seja uma hipoglicemia, corrija de imediato (através da ingestão de açúcar) e converse sobre isso com o seu médico.

 

Glicemia pós-prandial

 

Como referido anteriormente, a glicemia pós-prandial diz respeito aos níveis de açúcar no sangue 2h após uma refeição. Normalmente é medida após o jantar. Idealmente, deve ser ≤140 mg/dL. No entanto, outras associações como a American Diabetes Association (ADA) admitem um limite até 180 mg/dL. O ideal será discutir com o seu médico assistente qual o valor razoável para si.

 

Hemoglobina glicada (ou hemoglobina A1c)

 

A hemoglobina glicada é uma análise ao sangue que representa a média dos níveis de açúcar em circulação dos últimos 3 meses. É descrita em percentagem e é uma ferramenta essencial no controlo da diabetes. Para as pessoas cujo tratamento passa por dieta, exercício e/ou antidiabéticos orais é a medida favorita para monitorizar a evolução da diabetes. Num indivíduo jovem e sem outros problemas de saúde, o valor ideal é de <6,5%. No entanto, se for um idoso com outras doenças e com um difícil controlo, níveis abaixo dos 8% já podem ser considerados satisfatórios.

artigo

262.

Valores: glicemia e outros parâmetros da diabetes

Apesar de existirem valores que nos guiam e dão uma noção de quais são os objetivos de glicemia a atingir, as várias opiniões entre os peritos servem para reforçar o facto de estes mesmos alvos serem altamente individualizáveis. Ou seja, devem ser vistos caso a caso pelo médico. Além disso, sendo a diabetes uma doença complexa, nem sempre fácil de controlar, pelo que os valores ideais podem variar consoante a idade e a existência de outras doenças.

 

É importante que tenha em consideração os valores que lhe apresentamos, mas tendo sempre em conta que o seu médico deve discutir consigo quais os valores ideais para si.

Outros objetivos para a sua saúde

O diagnóstico de diabetes significa, por si só, um risco cardiovascular aumentado. Como tal, para além de manter a diabetes sob controlo, é fundamental ter em atenção outros valores importantes para a saúde cardiovascular. Assim sendo, s pessoas com diabetes devem:

 

Manter um peso adequado

 

Idealmente, um IMC abaixo dos 25 kg/m2. O peso deve ser controlado com recurso a uma alimentação saudável e atividade física. A dieta deve ser rica em legumes, fibras e pobre em hidratos de carbono. Quanto ao exercício, opte por 30 minutos de atividade física moderada por dia ou 150 minutos ao fim de semana.

 

Controlar a tensão arterial

 

Uma pessoa com diabetes deve manter a tensão arterial abaixo de 130/85 mmHg. É importante que meça de vez em quando, seja em casa ou na farmácia. Para manter níveis saudáveis de pressão arterial, a sua dieta deve conter pouco sal e deve fazer exercício regular. Se, mesmo com estes cuidados a sua tensão arterial está acima destes valores, deve consultar o seu médico.

 

Controlar os valores de colesterol

 

Existem 3 tipos de colesterol: o total, o HDL (conhecido como o colesterol «bom») e o LDL (conhecido como o colesterol «mau»). Num indivíduo com diabetes, o colesterol LDL deve estar abaixo dos 70mg/dL. Este valor é conseguido através de uma dieta com pouca gordura, de exercício físico e, por vezes, de medicação.

 

Avaliar a função renal

 

O rim é um dos órgãos que a diabetes afeta, pelo que é importante avaliar ao seu funcionamento, através de análises ao sangue e urina. Um dos parâmetros examinados pelo médico regularmente (pelo menos uma vez por ano) é a albumina na urina. Ou seja, valores acima de 30 ug/mg significa que já pode existir dano nos rins.

 

Concluindo, avaliar a glicémia em casa permite-nos saber se estamos no bom caminho para o controlo da diabetes, principalmente quando o tratamento incluí insulina. Assim sendo, perante uma glicemia mal controlada significa deve sempre procurar o seu médico. Para um bom controlo da diabetes e outras doenças é fundamental cumprir uma dieta com poucos hidratos de carbono, fazer exercício físico regular e cumprir a medicação prescrita.

Fontes

Referências

  • DireçãoGeral de Saúde (DGS)
  • Monnier L & Colette C, 2009
  • Williams B, et al, 2018
artigo
imprimir
anterior seguinte